Peter Pumpkin Head


Confesso que não conheço a história, mas o nome sempre me intrigou.

Peter Pumpkin Head
(ou, para os puritanos da língua portuguesa, "Pedro Cabeça-de-Abóbora")

Até tem uma música dedicada a ele mas por mais que procurasse a tal "informação inútil" de que eu tanto gosto... não encontrei nada que me dissesse, à séria, quem era/foi esta figura.

Sendo assim, só posso - então - deitar-me a imaginar e adivinhar (o que é sempre perigoso, no meu caso) quem seria este Peter Pumpkin Head, cujo nome me dá um gozo especial dizer... não me perguntem porquê... porque eu não saberei responder.

As parcas informações que encontrei relatam o nascimento de um miúdo com uma cabeça anormalmente grande (muito semelhante a uma abóbora) e algo acerca de ter servido de espantalho, afugentando a passarada... de a cabeça ser mesmo de abóbora (estilo Halloween) e só os olhos e a boca serem mesmo naturais... enfim... uma mixórdia de histórias e mitos que só confundem a minha InSensata moleirinha.

Daí que avanço para a especulação, o que me dá sempre um certo gozo.

Um gajo com cabeça de abóbora... pronto... não é bonito, mas também não é o fim do mundo, porque há por aí cada "biombo" a andar na rua que isso nem sequer me faz muita espécie.
Além do mais, a cabeça seria necessariamente renovada de tempos a tempos (sim... um gajo andar de cara podre não é coisa que se faça - já bem basta nos dias de ressaca!), o que dava a possibilidade do magano ir alterando de uma forma natural o look facial.
E isso de ter uma abóbora em cima dos ombros ainda podia muito bem ser o prenúncio de um belo final de ano, cheio de popularidade. Halloween no fim de Outubro... Natal (e as suas filhóses) em Dezembro... O Peter havia de ser um gajo muito apreciado por essas alturas, não?

Também me lembro vagamente de um gajo a quem chamavam "Cabeça-de-Amendoim", que era vocalista de uma banda dos anos 80 e 90 - os Communards -, de seu nome Jimmy Sommerville.
O gajo cantava fininho (por que seria...?) e, de facto, a tola dele mais parecia um bago de amendoim, tal era a forma e volumetria daquele (mini)crânio.
Não consta que alguma vez o pobre Jimmy se tenha descascado a rir ou entrado em aventuras com chocolates ou manteiga de amendoim... mas... lá está... eu também não tenho nada a ver com a vida pessoal do rapaz.

Pena que por cá isso não exista nada destas coisas.

O mais aproximado que temos "em stock" - julgo eu - é a expressão "Cabeça de Alho Xôxo"... que, a bem da verdade, tem o seu quê de piada, mas a que faz falta - parece-me - substância e até algum efeito prático.
Para que serve uma cabeça de alho xôxo?... Para nada! Não dá para fazer refogado nem para acompanhar um bacalhauzito na brasa... muito menos servirá para causar febre à rapaziada da formatura em tempo de guerra (adoro esse sketch!...).

Olha porra!!!
Porque é que o nosso personagem de cabeça fora da norma tinha de ser mais fraco que os outros?!?

É sempre assim... Até nestas coisas nos passam a perna!

Somos mesmo uns cabeças de vento...!

: [

4 inSensinho(s) assim...:

Dill_O_Ente disse...

Parabéns, ma mene!!! Alta legenda! :)))

so disse...

cabecinha pensadoraaaaaa :P

tounalua disse...

Está mais do que visto que "cabeças de alho xôxo" não são de Senso Comum! Parabéns pela menção honrosa do Dário Award! :) Ideia genial!

Solteirão disse...

Está muito fixe a tua criação, o prémio é bem merecido ;)

p.s.- obrigado pelo logo, a seu tempo será colocado